• Facebook: ifsantacatarina
  • Twitter: ifsc

guia de cursos

Home
Inicio
Pesquisadores debatem diversidade e diferenças de gênero no ambiente escolar em evento internacional e no Seurs
Ter, 09 de Julho de 2019 10:13

As escolas são formadas por uma diversidade de pessoas, onde as diferenças podem ser de classe social, etnia, cor da pele, idade, gênero, sexualidade e religião, por exemplo. Trabalhar práticas pedagógicas em que estas diferenças são levadas em conta é um dos grandes desafios da educação para promover a convivência respeitosa no ambiente escolar. Este é o tema central dos projetos sobre pedagogia queer apresentados pelo professor do Câmpus Joinville, Iury de Almeida Accordi, e pela extensionista Andréia Ambrósio Accordi, aluna do Câmpus Caçador, no 1º Encontro Latino-americano sobre Pesquisa Educacional e Saber Pedagógico, realizado na Cidade do México, e no 37º Seminário de Extensão Universitária da Região Sul (Seurs), em Florianópolis.


Apresentado no Seurs nesta quarta-feira (3), o projeto "Discutindo diversidade e diferenças de gênero no ambiente escolar" foi um dos quatro do IFSC na programação do seminário. Com o tema "Extensão e Inovação", o seminário reforça o conceito de uma extensão universitária transformadora da realidade social. Já no México, entre os dias 20 e 22 de junho, os projetos "Pedagogia queer: lidando com as diferenças de gênero na escola" e "Construindo um currículo queer" fizeram parte do eixo temático "Educação inclusiva, diferenças humanas, diversidade cultural e étnica, pedagogias alternativas". O IFSC é apoiador dos dois eventos.

 

"Existe um diálogo bem forte em torno das práticas pedagógicas inclusivas, especialmente no Brasil, México e Colômbia, e uma vontade de afinar o discurso de investigação pedagógica, para socialização das experiências", avalia professor Iury, que é coordenador de Pesquisa, Inovação e Extensão do Câmpus Joinville. Ele explica que o projeto de pesquisa de construção de um currículo queer, ainda em desenvolvimento, é um desdobramento do projeto de extensão que abordou as diferenças de gênero na escola. "Temos aqui a indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão", destaca.

 

Professor Iury lembra mais um fator importante: o trabalho em parceria entre os câmpus Joinville e Caçador. É que o projeto "Pedagogia queer: lidando com as diferenças de gênero na escola" faz parte do trabalho de conclusão de curso (TCC), da extensionista Andréia Ambrósio Accordi, no curso de especialização em Interdisciplinaridade e Práticas Pedagógicas na Educação Básica, do Câmpus Caçador do IFSC.

 

 

 


 
Recursos do Processo Seletivo: Edital 12/2019
Seg, 08 de Julho de 2019 18:34

Resultado dos recursos do Processo Seletivo: Edital 12/2019


Clique aqui

 
Semanas acadêmicas marcam o final de semestre no IFSC Caçador

Muito conhecimento e partilha de ideias e conceitos, assim foi o mês de junho no IFSC Caçador. Nos dias 10 e 11 de junho, os cursos técnicos em eletromecânica, administração, qualidade e o curso de ensino superior em Sistemas de Informação realizaram suas semanas acadêmicas, na oportunidade tiveram palestras com grandes nomes de áreas renomadas, mesas redondas e ações de capacitação que visam integrar o IFSC a comunidade externa. Estudantes do SENAI Caçador também estiveram presentes nas atividades. Estudantes do curso de Engenharia de Produção também realizaram a semana acadêmica do curso nos dias 17, 18 e 19 de junho.


 

Última atualização em Seg, 08 de Julho de 2019 16:32
Leia mais...
 
Projeto Doe Vida
Sex, 05 de Julho de 2019 14:41

No dia 02 de julho ocorreu no IFSC, campus Caçador, a apresentação do projeto Doe Vida, proposto pelo aluno de engenharia de Produção Pedro da Costa Nogueira, orientado pela profª Anna Carolina de Oliveira.


O projeto iniciou em 2018, através de um edital do IFSC focado em projetos de protagonismo discente, o qual o aluno Pedro foi contemplado. Este importante evento, em prol da doação de sangue na cidade de Caçador, contou com a participação de várias entidades e teve, como palestrante principal, o sr. Maicon Eduardo Bortoluz, diretor-geral do Hemocentro regional de Joaçaba. A associação BPW, principal parceira no projeto, foi representada pela sra. Cleide Regina John Morona.


O evento promoveu uma conscientização sobre o funcionamento logístico da rede de Hemocentros em Santa Catarina, bem como abordou, de forma técnica, o processo completo da doação, desde a coleta até a etapa da transfusão. Além do IFSC Caçador, BPW e do HEMOSC de Joaçaba, o evento contou com representantes da Prefeitura Municipal de Caçador, Câmara de Vereadores, ALESC, Nexus Júnior, Hospital Maicé, APAE, Uniarp, Senai, Senac, SESI, OAB, Rotary, Lions, Rede Feminina de Combate ao Câncer, além da mídia local, reforçando a importância do tema. A mobilização das entidades tem o intuito de viabilizar para a nossa cidade um centro de distribuição de sangue, que poderá promover um melhor atendimento não apenas para Caçador, mas para todos os municípios do entorno.


O diretor-geral do IFSC Caçador, prof. Eduardo Pires, parabeniza a iniciativa de nosso discente Pedro e o envolvimento de toda a comunidade!

 

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Para visualizar PDF você precisa do Adobe Reader: Clique aqui para baixar.